83% dos colaboradores europeus afirma que “não pode existir um escritório sem papel”

Estudo a pedido pela Epson revela que, apesar da crescente digitalização do local de trabalho, o conceito do escritório sem papel ainda está longe de se materializar

 83% dos colaboradores europeus afirma que “não pode existir um escritório sem papel”


20 de janeiro de 2016 - Há mais de 35 anos, o especialista em informação Frederick Wilfrid concebia o "escritório sem papel". Atualmente, as impressoras continuam a ser utilizadas diariamente e o estudo independente realizado a pedido da Epson veio confirmar essa realidade. Mais de 3.600 funcionários europeus foram interrogados e 77% dos inquiridos responderam que as impressoras são vitais para a sua produtividade no trabalho. Além disso, uma extensa maioria (83%) afirmou mesmo que "não pode existir um escritório sem papel". De resto, dos 4% que afirmaram que não tinham impressora no seu escritório, cerca de metade tinha intenção de adquirir uma.

"O estudo revela claramente que, apesar dos avanços no setor digital, a maioria das pessoas continua a gostar de trabalhar com papel e que, para certas tarefas, preferem recorrer ao papel a ter de trabalhar no computador ", explica Rob Clark, vice-presidente sénior da Epson Europa. 

O estudo também conclui que 88% dos inquiridos diz imprimir uma média de 21 documentos por dia, sendo os relatórios os mais impressos, seguidos de perto pelos e-mails e seus anexos.

"As organizações necessitam da impressão não só para aumentar a eficiência dos colaboradores, mas também para aumentar a produtividade e diminuir os custos ambientais", refere Clark. "Com a impressão a jato de tinta, por exemplo, as organizações podem imprimir um volume até duas vezes superior, ao mesmo tempo que geram menos 95% de resíduos e gastam muito menos energia que outras impressoras e fotocopiadoras laser de tamanho semelhante" .

Jack Uldrich, um conhecido futurólogo internacional sublinha: "O conceito de escritório sem papel não chegou a materializar-se pela mesma razão pela qual os micro-ondas não conseguiram substituir os fornos por completo: cada tecnologia tem benefícios tangíveis e exclusivos, e o papel não é exceção. Atrevo-me até a afirmar que o papel é a melhor invenção alguma vez criada para expressar, partilhar e difundir informação. De facto, vários estudos recentes demostraram que as pessoas entendem e retêm muito melhor a informação se for apresenta em papel do que num ecrã". Esta afirmação pode explicar o motivo de 61% dos participantes da estudo acharem que "há mais possibilidades de cometer um error ao editar um documento eletrónico do que ao editar uma cópia impressa".

"As novas tecnologias estão a mudar claramente a forma de trabalhar das pessoas. Na Epson, por exemplo, esta mudança é visível com as nossas tecnologias portáteis e projetores. Contudo, no momento de ler, editar e partilhar documentos como relatórios, e-mails ou ficheiros anexos, os funcionários de escritório, quer pertençam à geração do pós-guerra ou à do milénio, continuam a preferir a versão impressa e tangível", conclui Clark.

Sobre o estudo
O departamento de Investigação e Consultoria estratégica da FTI Consulting realizaram o estudo online entre o dia 5 e 13 de outubro de 2015, com colaboradores de escritórios no Reino Unido, França, Alemanha, Itália e Espanha, nas respetivas línguas.
Cerca de 3.639 funcionários de escritório responderam ao inquérito. O detalhe dos inquiridos que completaram o estudo em cada país é o seguinte: Reino Unido (768), França (750), Alemanha (737), Itália (696) e Espanha (688).
Um total de 3.639 colaboradores respondeu, com uma margem de erro aproximado de 3% e um intervalo de confiança padrão industrial de 95%.
Ter em conta que foi aplicada a convenção padrão para o arredondamento e, como resultado, a soma dos totais não é de 100%.


Sobre a Epson
A Epson é líder global de inovação, dedicada a superar as expectativas com soluções para mercados tão diversos como empresas, particulares, comércio e indústria. A gama de produtos Epson inclui desde impressoras jacto de tinta, sistemas de impressão e projetores 3LCD a robôs industriais, óculos inteligentes e sistemas de deteção e baseia-se em tecnologias originais compactas, energeticamente eficientes e de elevada precisão. 

Liderado pela Seiko Epson Corporation, com sede no Japão, o Grupo Epson conta com mais de 73.000 colaboradores em 94 empresas distribuídas por todo o mundo, e tem orgulho nos seus constantes e contínuos contributos para a proteção ambiental e das comunidades onde opera. 
www.epson.pt

Ecofirma
Telefone: 213 240 227
Marta Pais - mpais@atrevia.com          
Maria João Barbedo - mbarbedo@atrevia.com

  • Raúl Sanahuja
    Raúl Sanahuja

    Endereço de e-mail

    prensa@epson.es

    Telefone

    +34 93 582 15 00